Blog da Boca pra Fora

Botox: quando começar?

Shutterstock
KARYNE_MAGALHAES


Botox é como todas as pessoas chamam a toxina botulínica, porém esse é o nome comercial registrado pela empresa Allergan. Mas há várias outras fabricantes. Sendo assim, o Botox não é a única toxina disponível no mercado brasileiro. Para fins terapêuticos e cosmecêuticos, é utilizada a toxina botulínica do tipo A. É importante ressaltar também que cada indivíduo tem uma particularidade, uma necessidade específica e, é claro, cada profissional tem uma conduta clínica.

Para fins terapêuticos, a toxina é usada em tratamentos para facilitar a mobilidade. A própria empresa Allergan diz que a substância pode ser usada a partir dos dois anos de idade e algumas especialidades médicas, como a neurologia e a ortopedia, conseguem excelentes resultados. 

Mas aqueles que já se sentiram incomodados com uma marca de expressão ou ruga, sempre se lembram da toxina como um meio de tratamento para essas marquinhas. E vamos combinar: como a toxina trata isso bem, né? Mas se você já pensou na possibilidade de aplicar a famosa toxina, mas não sabe quando começar. Essa decisão é muito simples: depende de qual é a sua finalidade? Depende também dos cuidados que você tem com a sua pele, alimentação, atividade física e seu controle diário de estresse e ansiedade.

Há pessoas que podem começar a usar a toxina para fins cosmecêuticos a partir dos 25 anos ou até mesmo antes. No entanto, a partir dos 65 anos, a toxina já não responde tão bem. Na verdade, a toxina é muito bem indicada para prevenção e pequenos ajustes das ruguinhas. Mas ela também é bem favorável para pessoas que rangem ou apertam os dentes (bruxismo), pessoas com sorrisos assimétricos (tortos), sorrisos altos (gengivais), além daquelas pessoas que têm “cara de bravas, emburradas e tristes”, já que a toxina pode paralisar por um tempo essas expressões. Tudo depende do desejo do paciente e do bom senso profissional. 

Eu, pessoalmente, sempre prefiro planejar, explicar as possibilidades, benefícios e discutir o tratamento com os meus pacientes antes de executar. Nós, profissionais, temos que tomar esses cuidados, pois apesar desse tratamento ser pouco invasivo e reversível, os efeitos só passam totalmente depois de seis meses.

A maioria dos pacientes que buscam o meu consultório deseja ficar mais bonita de uma forma mais natural, que é quando o outro percebe que ela está melhor, mas não sabe dizer de que forma. E a toxina, quando bem aplicada, é segura e muito efetiva.

Hoje, a toxina faz parte da vida clínica de muitos cirurgiões-dentistas no que chamamos de harmonização orofacial. Inclusive, na nossa "maletinha" de recursos há várias outras substâncias sendo utilizadas para prevenção e devolução de uma face mais bonita, hidratada e viçosa. Dentes funcionais e bem tratados parecem ainda bonitos quando você sorri segura em relação ao seu hálito e a sua composição facial equilibrada.

Além disso, você também pode se prevenir das ruguinhas fugindo de alguns vilões do envelhecimento. São hábitos que não são impossíveis de ajustar na sua rotina. Conheça alguns abaixo: 

- O açúcar é considerado um dos maiores vilões, um dos "destruidores" de colágeno.
- Alimentação: quanto mais natural e equilibrada, maiores serão os benefícios.
- Álcool e cigarro também prejudicam, e muito.
- Sol, esse sim, se não estiver em primeiro lugar, está em segundo. Então, fotoproteção é fundamental para ambientes fechados e abertos.
- Banhos de água quente. Entendo que ele relaxa, mas a temperatura da água é capaz de remover a proteção superficial da nossa pele.
- Não usar produtos específicos para seu tipo de pele. Afinal, que tipo de pele é a sua, qual seu fototipo?
- Sedentarismo: pessoas que não praticam atividades físicas são mais tensas, estressadas, ansiosas. "Drenar" o estresse ajuda a controlar os nossos hormônios e a sua felicidade.

Como disse, não são coisas que são impossíveis de ajustar. Se você precisa fazer algumas alterações, leia a respeito do que te interessa, busque profissionais, converse com as amigas e continue acompanhando o blog Da Boca Pra Fora e as matérias da Ludovica. Estar feliz também nos deixa mais radiante, além, é claro, do Botox!

*Karyne Magalhães é cirurgiã-dentista, habilitada em Laserterapia e qualificada no tratamento da Halitose, vice-presidente da Associação Brasileira de Halitose (Abha), membro da Associação Brasileira de Odontologia (ABO-GO) e membro da Sociedade Brasileira de toxina botulínica e implantes faciais (SBTI). Acesse saudesalivar.com.br e botoxgoiania.com.br.

Os comentários publicados aqui não representam a opinião da plataforma e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
POR DATA