Comportamento

Saúde visual na terceira idade

Shutterstock


A velhice traz algumas implicações para a saúde e requer cuidados específicos, inclusive com a visão. Porém, há uma crença equivocada de que o idoso necessariamente tem problemas para enxergar bem. Com alguns cuidados, é possível chegar à terceira idade com a visão em dia. Por isso, atenção a algumas doenças comuns entre os idosos. 

Catarata 

Conforme os anos vão passando, o cristalino – uma lente que temos dentro dos olhos – fica mais opaco, provocando um “embaçamento” da visão. Todas as pessoas podem desenvolver a catarata, que depende de fatores genéticos e ambientais, como exposição ao sol e radiação ultravioleta. Vale ressaltar que o tratamento é cirúrgico. O cristalino opaco é retirado e uma lente é implantada. Embora a cirurgia de catarata seja relativamente rápida, é um procedimento muito complexo. 

Glaucoma

É uma das principais causas de cegueira irreversível no mundo. O glaucoma é uma doença que atinge os idosos, mas os primeiros sinais aparecem na idade adulta ou até mesmo na infância. Na terceira idade, assim como em outras fases da vida, o glaucoma precisa ser monitorado com exames oftalmológicos frequentes. A doença é assintomática e o paciente vai perdendo a visão periférica, às vezes sem perceber, até a cegueira. 

Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI)

Na prática, o que acontece na DMRI é uma degeneração da retina influenciada pela idade, sendo mais comum depois dos 60 anos. Neste caso, a retina perde capacidade de captar a luz. A consequência da doença é visão deformada e embaçada. O tratamento é feito com aplicações e injeções intraoculares. 

Doenças sistêmicas e implicações 

Outras doenças podem influenciar na saúde dos olhos, como diabetes e hipertensão. A retinopatia diabética, por exemplo, é causa frequente de cegueira. A recomendação é que os idosos controlem as outras doenças para amenizar os efeitos nos olhos. Também é importante detectar esses problemas precocemente. Para ter mais chances de um diagnóstico precoce, vá uma vez por ano ao oftalmologista, e não apenas quando precisar de óculos novos. 


 

 

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.