Em Trânsito

Equador: Quilotoa Loop

Arquivo pessoal


Nós não planejamos ir ao Quilotoa Loop e, para sermos sinceras, nunca tínhamos ouvido falar do local, exceto quando pesquisando a respeito do Equador. Encontramos um artigo que descrevia de quatro a cinco dias incríveis de caminhada pelos Andes. Adoramos a ideia de fazer uma caminhada autoguiada até a cratera de um vulcão, onde encontraríamos um lago maravilhoso, com cerca de três quilômetros de largura. A cor esverdeada é simplesmente incrível e essa característica única se deu pelos minerais dissolvidos no lago que se formou.

Mas do que exatamente estamos falando? É simplesmente uma extensa caminhada de 200 quilômetros, que começa em Latacunga (2800 m de altitude) e termina no Quilotoa Loop. A caminhada passa por colinas andinas, aldeias remotas, rios e vales. Existem algumas opções de rotas e decidimos deixar o Quilotoa Loop para o final. Sabendo já que nosso tempo estava curto, fizemos uma rota em duas noites e três dias: Latacunga -Isinlivi -Chungchilan -Quilotoa - Latacunga.

Primeiro dia: Latacunga – Insinlivi

Pegamos o ônibus de Latacunga às 12h15 para Isinlivi, cerca de duas horas e meia a três horas. Passamos a noite em Isinlivi.
 
Segundo dia: Insinlivi – Chungchilan

Caminhamos de Insinlivi até Xhungchilan por 12,4 quilômetros em um período de quatro horas e meia. Dormimos essa noite em Chungchilan.

Terceiro dia: Chungchilan – Quilotoa 

Nós pegamos uma carona até Quilotoa por cerca de 30 minutos. Descemos até a lagoa em cerca de 45minutos e levamos pouco menos de duas horas para retornar. Retornamos de ônibus até Latacunga.

Continuem acompanhando nosso blog! No nosso próximo artigo, vamos contar mais um pouco dessa experiência incrível que tivemos! 

* Heloisa: movimento. Essa é minha palavra. Sou Heloísa e como chef e amante da fotografia, vou atrás de novas aventuras em diferentes cozinhas pelo mundo afora, conhecendo pessoas diferentes e vendo como o mundo é incrível. Não há nada melhor do que viver e compartilhar essas experiências com pessoas que têm as mesmas paixões na vida. Sharon: eu prospero na aventura, conhecendo novas pessoas e o desconhecido. Eu nasci em Malta e depois de estudar jornalismo no Reino Unido comecei a viajar e não consegui parar. Trabalhei como freelancer e professora de inglês pelo mundo durante alguns anos e estou vivendo no Brasil há um tempo. Logo estaremos em outra viagem pelo mundo!
 
  

Arquivo pessoal
Arquivo pessoal
Arquivo pessoal
Arquivo pessoal
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
POR DATA