Papo Musical

Dia Mundial do Compositor

Reprodução / Wikipédia


O Dia Mundial do Compositor foi sugerido pela Fundação da Sociedade de Autores e Compositores na cidade do México (SACM) em 1945, mas foi somente a partir de 1983 que o dia 15 de janeiro passou a ser oficialmente celebrado ao redor do mundo. O Brasil, por sua vez, comemora a data em dois momentos: além do dia 15 de janeiro, no dia 07 de outubro, data dedicada ao compositor brasileiro.

Para celebrar essa data, o Papo Musical escolheu o grande Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791), aniversariante do mês. Mozart, que nasceu em Salzburg, Áustria, em 27 de janeiro de 1756, tornou-se um dos compositores mais conhecidos de todo o planeta. Reconhecido desde cedo como gênio musical, Mozart viajou bastante desde a infância, apresentando-se para tocar em inúmeras cortes europeias. 

O pequeno Mozart exibia a incrível capacidade musical e, ao mesmo tempo, captava, nas andanças, o melhor do espírito musical daquele tempo. Como gênio que foi, conduziu a música de então a um auge da perfeição, criando um estilo que realmente merece ser chamado de clássico. Mozart desenvolveu um modo muito próprio de compor, apresentando singularidades que o diferenciam da grande maioria dos contemporâneos. 

A música de Mozart possui, indiscutivelmente, a “assinatura” do próprio. Assim se expressa sobre o ato de compor: “É um erro pensar que a prática da minha arte se tornou fácil para mim. E eu lhe asseguro, meu caro amigo, ninguém se dedicou tanto a aprender o estudo da composição como eu”.

Para comemorar o Dia Mundial do Compositor, parabenizo os profissionais que escrevem música e sugiro para audição da semana o concerto para Piano e Orquestra em do menor (K 466) de W. A. Mozart,  com a Camerata de Salzburg e a solista/ regente, renomada intérprete das obras de  Mozart,  Mitsuko Uchida (1948).

*Gyovana Carneiro é professora da Escola de Música e Artes Cênicas da UFG, doutora em Ciências Musicais pela Universidade Nova de Lisboa – Portugal. Promove séries de Concertos em Goiânia.

Os comentários publicados aqui não representam a opinião da plataforma e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
POR DATA