Papo Musical

O Canto da Verônica

Reprodução / Portal R3


A Quaresma começa na Quarta-feira de Cinzas e termina no Domingo de Ramos, que antecede ao domingo de Páscoa. Durante os quarenta dias que precedem a Semana Santa e a Páscoa, a tradição cristã recomenda a reflexão e a conversão espiritual, rememorando  os 40 dias passados por Jesus no deserto e os sofrimentos que ele suportou na cruz.
 
Um canto tradicional desse período, especialmente da Semana Santa, é o Canto da Verônica. O nome Verônica vem do latim e grego vero icone, que significa verdadeira imagem. Embora não haja nenhum registro bíblico quanto à figura de uma personagem denominada Verônica, a igreja católica e os fiéis tradicionalmente representam, em latim ou em português, o canto pungente de uma mulher. Esse ritual recebeu o nome de Canto da Verônica. 
 
Retirado de um trecho do Livro das Lamentações de Jeremias, versículo 12, capítulo I, o Canto da Verônica consiste na história de uma jovem que transporta um véu no qual está impressa uma representação da face de Jesus Cristo. A personagem entoa um canto litúrgico e, ao mesmo tempo, desenrola e exibe a estampa. A tradição narra que essa jovem teria se aproximado de Jesus enquanto ele carregava a cruz e, ao limpar a face de Cristo cheia de sangue e suor com um véu,   a figura do rosto de Jesus ficou estampada no pano. Assim, o véu passou a ser chamado de Santo Sudário.

O canto ou o grito de lamentação tinha o intuito de anunciar que o homem que seria crucificado era o verdadeiro Cristo. Mais do que comprovar a existência de Verônica, podemos nos atentar à importância da tradição que esse rito representa. Vale ressaltar que esse canto/lamento é entoado em forma de responsório, um canto litúrgico na qual uma solista entoa versos respondidos pela congregação ou coro.
 
Ouviremos o Canto de Verônica na Procissão do Encontro na cidade de Mariana- MG, em 2016. 

*Gyovana Carneiro é professora da Escola de Música e Artes Cênicas da UFG, doutora em Ciências Musicais pela Universidade Nova de Lisboa – Portugal. Promove séries de Concertos em Goiânia.

Os comentários publicados aqui não representam a opinião da plataforma e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
POR DATA