Vinho, viagens e saúde

Vinho e saúde

Shutterstock

Olá! Sou Adriana Alves de Meneses Delevedove, gastrocirurgiã e nutróloga. Como nutróloga, sempre tento associar alimentos e combinações que sejam mais saudáveis. E como sempre gostei de vinho, meu interesse pelos benefícios da bebida foi evidente (tendo aí um conflito de interesses importante. Rs).

Resveratrol é a palavra mais importante quando o assunto é vinho e saúde. Quando falamos em benefícios do vinho, gostaria de deixar claro, desde este texto de estreia, que ele está no tinto. A substância está na casca da uva e no processo de vinificação. Nesse caso, o vinho tinto é o que tem contato com a casca.

Sobre os benefícios do Resveratrol para o organismo não há dúvidas na ciência. Já temos muitos artigos sedimentados sobre isso: cardiovascular, anticâncer, antienvelhecimento, no controle da glicose... Agora, nosso desafio é demonstrar se no vinho conseguimos também absorver o Resveratrol e conseguir os benefícios. 

E aí? Qual a quantidade? Como tomar? Quando? Por que? Tentarei colocar aqui para vocês essas respostas. Aguarde o próximo texto!

*Adriana Meneses é médica gastrocirurgiã, nutróloga e grande admiradora de vinhos, tanto pelo prazer como pela saúde. Vira e mexe, está em algum lugar do mundo degustando novos rótulos.

Os comentários publicados aqui não representam a opinião da plataforma e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
POR DATA