Acontece

Caçamba do Bem: artista transforma caçambas de lixo em amor e arte por Goiânia

Divulgação

Com o projeto Caçamba do Bem, o artista Homero espalha amor por Goiânia por meio de sua arte. A ação teve início no dia 4 de agosto e vai até 2 de setembro. O objetivo é espalhar as caçambas em parques da capital goianiense para sensibilizar as pessoas e arrecadar doações de roupas, cobertores e alimentos não perecíveis. 

Movimento

A ideia surgiu a partir do Movimento Mundial do Amor, idealizado por Homero, que é goiano e promove esse projeto pelo mundo. As caçambas estão nos parques da cidade e, em vez de jogar lixo, as pessoas depositam roupas, brinquedos, alimentos não perecíveis, entre outros utensílios. Ao final de cada dia, os “guardiões do amor” recolhem todas as doações que, posteriormente, são destinadas a instituições beneficentes ou comunidades carentes, escolhidas por meio de votação no Facebook pelos próprios colaboradores da campanha.

As caçambas não são fixas, mas já podem ser encontradas no Parque Flamboyant, Sagrada Família, Praça do Sol, Parque Cascavel, Parque Macambira e Bosque dos Buritis. 

O artista

Homero Maurício, criador do Coração de Rua e do Movimento Mundial do Amor, é natural de Goiânia e começou a se envolver com arte a partir dos 13 anos de idade. Ainda jovem, se deslumbrou com a atitude do graffiti e entendeu que através dele há um posicionamento e um movimento em prol de um ideal maior. 

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.