Beleza

Como controlar a oleosidade da pele no verão

Shutterstock


Apesar de ser uma das estações mais esperadas do ano, o verão pode ser um verdadeiro problema para quem sofre com pele oleosa. Isso porque o calor excessivo dessa época acelera a produção das glândulas responsáveis pela transpiração para controlar a temperatura do corpo, o que aumenta a oleosidade e o sebo da pele.

Segundo a esteticista Fernanda Secco, do Espaço Pathricia Prieto, juntando o suor, que é composto por impurezas, os óleos, os sais e o sebo, ocorre a oclusão dos poros com resíduos, que podem influenciar no surgimento de cravos e espinhas. "O segredo para evitar a oleosidade excessiva é utilizar produtos oil-free (sem óleos vegetais na composição). A higienização também é importante, mas deve ser realizada apenas duas vezes ao dia para proteger a pele e evitar o efeito rebote, que pode produzir ainda mais oleosidade”, explica. 

Outra dica da especialista é utilizar água termal para equilibrar o pH da pele. “Para maior sensação de frescor, deixe o produto na geladeira por um tempo antes de utilizar”, sugere Fernanda. “Procedimentos como limpeza de pele também ajudam no controle da produção de sebo, mas quem não quer sair de casa pode optar pelas máscaras faciais. A de argila verde funciona muito bem para peles oleosas e acneicas, ajudando também na desintoxicação”, orienta Fernanda. 
 
Apesar de necessário o ano todo, no verão o protetor solar deve ser reaplicado várias vezes no decorrer do dia, já que a produção excessiva de suor pelo corpo pode acabar retirando grande quantidade do produto, o que influencia na proteção da pele. "O protetor solar pode ser utilizado também na versão em pó para quem não gosta de texturas muito cremosas", diz a especialista. Já os cuidados noturnos devem incluir um hidratante (também oil-free) após a higienização. 

"Além disso, é importante consultar um profissional para ter certeza sobre a origem do problema, já a oleosidade nem sempre é causada apenas por fatores climáticos", finaliza.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.