Beleza

Harmonização facial: conheça o procedimento que conquistou os famosos

Shutterstock


Não há dúvidas de que a harmonização facial é o tratamento estético mais procurado no momento. Afinal, famosos como Alok, Carlinhos Maia, Cleo Pires, Kelly Key e Gretchen apostaram nesse procedimento. O método, que promete deixar o rosto mais simétrico, é um conjunto de técnicas que visam o rejuvenescimento por meio do equilíbrio estético da face. De acordo com a dermatologista Belinda Roriz, a harmonização facial possibilita realçar pontos, melhorar aspectos como o bigode chinês, promover a definição da mandíbula, projetar o queixo, corrigir pequenas imperfeições do nariz e, ainda, restaurar o volume dos lábios.

O que é a harmonização facial?

A harmonização facial é um conceito no qual buscamos atingir parâmetros de beleza previamente estabelecidos junto ao paciente, como simetria, ângulos da face e suas proporções.

Para quem é indicada a harmonização?

O procedimento é indicado tanto para aquelas pessoas que não estão satisfeitas com algumas características, como um queixo retraído ou um ângulo de mandíbula indefinido, como para aquelas que, pela ação do tempo, perderam medidas ou desenvolveram flacidez, seja por reabsorção óssea ou perda de gordura. Assim, a harmonização facial pode ser indicada para pessoas mais jovens, que buscam melhorar alguns atributos, e para aquelas que sofreram a ação do envelhecimento.

Quais são os procedimentos que a técnica envolve?

O processo básico da harmonização facial é a aplicação de ácido hialurônico, que é um preenchedor seguro biocompatível e reabsorvível. Os métodos de implantes mais utilizados são o MD CODES e MAP, que em resumo sistematizam pontos específicos de sustentação da face. A técnica a ser utilizada depende de uma avaliação individual e criteriosa, visando não só atingir parâmetros pré-estabelecidos, mas atender às expectativas de cada paciente, realçando suas características pessoais, destacando pontos favoráveis e suavizando os que são menos apreciados. Realizada essa etapa fundamental da sustentação, partimos para a associação de outros recursos, como aplicação de toxina botulínica, preenchimentos de rugas ou depressões mais superficiais, aplicação de bioestimuladores para incrementar a produção de colágeno próprio, clareamento da pele. Isso depende, claro, das necessidades de cada um, mas sempre buscando um resultado mais jovial e atraente.

A harmonização facial precisa de manutenção?

Quando se trata da sustentação, os resultados são duradouros, em torno de dois anos. No entanto, há necessidade de acompanhamento para possíveis reaplicações complementares, seja de toxina botulínica ou ácido hialurônico, e para a manutenção da qualidade da pele, o que é um processo continuo.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.