Beleza

Nova técnica promete rejuvenescimento natural

Shutterstock


Quem nunca se surpreendeu com a transformação que o próprio rosto sofre ao longo dos anos? Aquela expressão que não incomodava agora transmite um ar de cansaço e tristeza que, junto à flacidez, deixa a face com uma aparência menos atrativa. Uma nova técnica de rejuvenescimento promete reverter os sinais do tempo, levando em conta aquilo que o paciente mais gostaria de mudar. “Mais que preencher rugas, o importante é focar nas mensagens emocionais do rosto”, diz o dermatologista Adriano Loyola, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Regional Goiás (SBD-GO).
 
A técnica batizada de MD Codes Visionary (Códigos Médicos Visionários, em tradução livre) foi criada pelo médico brasileiro Mauricio de Maio e é exclusiva de médicos dermatologistas e cirurgiões plásticos. Ela é realizada com aplicação de ácido hialurônico em pontos específicos do rosto, com o objetivo de tornar o procedimento mais seguro, sem exageros e com naturalidade. Além disso, o método se diferencia por incorporar um viés comportamental.
 
“Além de tratar as marcas do tempo, muitas mulheres desejam uma aparência mais jovem, descansada, menos brava, triste ou até mais magra. Com um mapeamento da face, identificamos os sinais responsáveis pelo que se vê no espelho. Esse desenho ajuda a compreender quais áreas estão interferindo positiva ou negativamente na acentuação dessas impressões”, explica Loyola.
 
Os vincos ao redor da boca, que surgem do hábito de sorrir, acabam dando ar de tristeza, porque puxam a expressão para baixo. Olhos caídos demonstram esgotamento ou infelicidade. O aspecto de cansaço se corrige com maior sustentação na região malar. A intervenção pode proporcionar um visual mais relaxado.
 
Melhores resultados ainda são obtidos quando trabalha-se o contorno do rosto, dos lábios e das bochechas. Algumas mulheres sentem-se mais magras com os traços mais afilados. Uma dose extra de volume, oferecido por meio de ácido hialurônico na região das mandíbulas, puxa a expressão para cima. A flacidez é atenuada com um lifting feito com o produto, realizado bem abaixo do queixo.
 
O mapa das emoções
 
O primeiro passo para a realização do procedimento é olhar para o espelho e eleger até três entre as oito impressões. A análise deve considerar aquilo que mais incomoda e o que se quer alcançar. Após a definição, o médico especialista planeja os pontos estratégicos para aplicar o ácido hialurônico. O produto não é utilizado para preencher vincos ou rugas, mas para reequilibrar de maneira completa a aparência facial.
  
Sabe-se que a associação de alguns pontos, usando quantidades específicas de determinados produtos, produz resultados não apenas nas rugas, mas também nas emoções transmitidas pela face. Por isso, é possível criar para cada paciente uma sequência e combinação personalizada de expressões. Essa reestruturação permite grandes benefícios em relação à mensagem transmitida pela expressão.
 
“Conseguimos deixar o paciente com um aspecto menos cansado, menos bravo, mais jovem e mais atraente, refinando os ângulos do rosto e gerando beleza com a criação de novas proporções faciais em uma estética mais agradável”, afirma Loyola.

 

Divulgação
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.