Comportamento

Cirurgia robótica: a tecnologia a favor da saúde

Shutterstock


Em tempos de desenvolvimento tecnológico, surge uma nova opção na área da saúde: a cirurgia robótica. Ela permite maior controle e precisão dos instrumentos cirúrgicos em procedimentos minimamente invasivos. Segundo o gastroenterologista Adilon Cardoso Filho, cirurgias no esôfago, pâncreas, reto e até a cirurgia para tratamento da obesidade mórbida têm sido realizadas com o auxílio do robô. “O sistema usa uma tecnologia que permite ao cirurgião chegar mais perto do alvo do que a visão humana permitiria, trabalhando em uma escala menor do que a cirurgia convencional, com a utilização da câmera de videolaparoscopia”, explica. O médico fala sobre o tema.
 
Como funciona a cirurgia robótica?

 
O uso do método sem grandes cortes obrigou os cirurgiões a aprender a manusear pinças finas e compridas para operar com câmeras e luzes dentro do espaço do abdômen. Essas pinças, no entanto, apoiam-se nos músculos do paciente. Com a nova tecnologia robótica, o apoio passa para os braços mecânicos do robô e, assim, diminui o trauma aos tecidos do paciente. Nos casos difíceis, de pacientes obesos com uma camada de parede abdominal mais grossa, fica fácil entender o benefício desse método. 

O procedimento é seguro?
 
Inúmeros estudos têm reportado resultados cirúrgicos utilizando a cirurgia robótica. As pesquisas demonstram que o sistema é efetivo e seguro em grande número de procedimentos da área de cirurgia geral e do aparelho digestivo. 

Qual a diferença entre a cirurgia robótica e a cirurgia aberta?
 
O sistema robótico permite a realização de procedimentos mais sofisticados e de difícil realização por via laparoscópica. Oferece ainda melhor visão nos casos de retirada de gânglios, dissecções delicadas e em regiões de difícil acesso, com menor sangramento pela visualização de vasos delicados e pequenos. O sistema possui imagem em três dimensões, gerando menor tempo de internação hospitalar, recuperação mais rápida, menos dor no pós-operatório e melhor aspecto estético por realizar incisões menores. A combinação entre uma visão em três dimensões, um ambiente de estabilidade de imagem e a possibilidade de fazer costuras de maneira mecanizada permite que a técnica cirúrgica seja mais adequada e com menos complicações, na comparação com o procedimento convencional.
 
Quais são os benefícios desse tipo de cirurgia?
 
A grande vantagem de se utilizar esses sistemas robóticos é o aumento da liberdade de movimentação das pinças do cirurgião, as quais são mais articuladas, principalmente em suas extremidades, quando comparadas as pinças laparoscópicas convencionais. Ainda, o possível tremor do cirurgião é eliminado pelo sistema e não é transmitido para o campo operatório. Outras vantagens incluem o posicionamento mais ergonômico do cirurgião, tornando os possíveis erros causados pela fadiga menos prováveis e criando uma perspectiva de telecirurgia.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.