Comportamento

Dia Mundial do Café: sete mitos e verdades sobre a bebida

Shutterstock


Expresso ou coado? Com leite ou puro? O café é uma das delícias mais queridinhas do Brasil. Afinal, somos o país que mais exporta esse grão em todo o mundo. Segundo o Conselho dos Exportadores de Café do Brasil, essa é a segunda bebida mais consumida em terras tupiniquins, perdendo apenas para a água. Mas vamos falar a verdade: como não gostar daquele cafezinho para começar o dia com mais disposição ou trazer um aconchego depois do almoço ou jantar?
 
No entanto, a discussão sobre o fato do café traz benefícios ou malefícios para a saúde e quais são os impactos nas nossas vidas permanece constante. Para celebrar o Dia Mundial do Café, comemorado neste sábado (14), conversamos com Flamarion Pirtouscheg, gerente de categoria de produtos da Electrolux, para esclarecer alguns mitos e verdades sobre esse grão. Confira:
 
O café coado tem mais sabor que o expresso – mito

Quando o café é preparado, resultando o expresso, o sabor fica mais forte que o coado, por causa da forma que é feita a bebida - o pó é prensado no filtro. Por outro lado, o gosto do café coado permanece acentuado por mais tempo que o expresso. Por isso, é recomendável que o expresso seja ingerido logo após o preparo.
 
Café tira o sono – verdade

O café possui cafeína, substância presente também em outros alimentos que age como um estimulante no cérebro, dificultando o sono e combatendo a fadiga. Isso faz com que o consumidor da bebida se atente mais as atividades por um tempo determinado. No entanto, isso muda de pessoa para pessoa, por causa do sistema nervoso de cada um e como ele reage a essa substância. Para os que sofrem de insônia, o café não é necessariamente o causador da falta de sono, já que tem um efeito passageiro de duas horas, mais ou menos.
 
Cafeína em excesso faz mal – verdade

Tudo que ingerimos em excesso não faz bem para a saúde. Isso não é diferente com o café. Segundo periódico científico da Food and Chemical Toxicology, a quantidade máxima de consumo de cafeína por dia é de 400 ml.
 
Café dá dor de cabeça – mito

A cafeína é uma substância presente em diversos medicamentos que combatem a dor de cabeça. Se a bebida causa dor de cabeça em algumas pessoas, isso pode acontecer porque o sistema nervoso já é hiperativo e a cafeína pode reforçar isso.
 
Diversos fatores interferem no sabor final do café – verdade

Desde a hora da plantação até colocar nas sacas, tudo influencia no gosto do cafezinho na xícara. O terroir, condições geográficas e climáticas de determinada região, o cultivo, a variedade, a forma de plantio, o tipo de terreno, colheita, secagem, a torra, embalagem e preparo são exemplos de etapas de preparar o grão para uso e que podem ser feitas de diversas formas que interferem diretamente no sabor final do café.
 
Crianças podem tomar café - depende da idade

O café é uma bebida que pode dificultar a absorção de algumas substâncias importantes para uma criança em crescimento. É recomendado que antes dos seis anos de idade, a criança não consuma a bebida. Depois disso, ela pode ser até apresentada para os pequenos, mas com muita moderação.
 
Não pode tomar medicamentos com café – verdade

O café pode inviabilizar as reações químicas propostas pelas substâncias em medicamentos. Por essa razão, não é recomendável tomar comprimidos com a bebida.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.